domingo, 13 de janeiro de 2008

Flor do Mandacaru


Tá chovendo e eu estou ouvindo Cordel. Lá vai então:


Quando chove no sertão

O sol deita e a água rola

O sapo vomita espuma

Onde um boi pisa se atola

E a fartura esconde o saco

Que a fome pedia esmola


João Paraibano

Um comentário:

mislayne disse...

oi jefferson seu blog esta o maximo interesantissimo,poste mais coisas nesse genero,ja tinha ouvido falar desse cordel,é bom! gosto dessas coisas da terra da cultura bjs.